Agitação pode ser emocional

Muitos dizem que não conseguem ficar parados, tem que estar fazendo algumas coisa, arrumando, trabalhando, … Existem pessoas que são realmente mais agitadas, mas deve perceber quando isso se torna um problema:agitado

  • Não consigo ficar tranquilo? Devo estar o tempo todo me movimentando?
  • Tem problemas que não gosto de pensar?
  • Ando mais cansado e mais irritado?

Algumas pessoas ficam mais aceleradas. É como se fosse uma reação para tentar fugir dos conflitos emocionais, para não encarar o próprio “eu”. Arranjam coisas para fazer, para se ocupar, mas não entendem que a última coisa que vão conseguir é se esconder das próprias emoções. O emocional “dá um jeito” para mostrar que não tem como fazer de conta que nada está acontecendo.

A pessoa terá que começar a se perceber aos poucos, entendendo o que acontece dentro do “eu”. Uma forma de começar a fazer isso é escrevendo cartas para si, ou escrever na agenda os acontecimentos e o nível de agitação do dia, reconhecendo os próprios sentimentos e aquilo que incomoda. Nem sempre vai “dar conta” sozinho, sendo preciso apoio psicológico.

5 thoughts on “Agitação pode ser emocional

  1. Rodrigo Correia Biondon

    Boa noite nao consigo ficar parado por nada e esta me atrapalhando muito nos estudos pra concurso publico;quando estou parado fico mechendo os pés me balançando na cadeira do pc mordendo canto da unha e estou me sentindo um cansaço imenso,so que este cansaço e estranho sinto o corpo pesado e nao da preguiça decido fazer algo e faço oque devo fazer……

    Reply
    1. Psicologa

      Boa Tarde Rodrigo,
      Frequentemente, o cansaço, roer unhas e a agitação motora têm relação com o emocional.
      Você escreveu que está estudando para concurso público, o que pode gerar sintomas de ansiedade e estresse. Algumas pessoas que se preparam para concursos, passam a se cobrar muito em relação ao desempenho nas provas, em conseguir atingir a meta, e passar logo em algum concurso.
      O concurso pode significar estabilidade financeira e qualidade de vida. Mas enquanto não é aprovado, o concurso pode simbolizar pressão, expectativa, sinônimo de fracasso (a cada concurso que não é aprovado), entre outros sentimentos. Se preparar para um concurso não se resume só estudar, mas também é importante se preparar emocionalmente.
      Normalmente, leva alguns anos até a pessoa passar em um concurso com colocação e salário “melhor”. Com o passar do tempo, a pessoa pode se sentir cada vez mais pressionada a passar. E assim, podem surgir questões emocionais relacionadas a essa auto cobrança.
      O concurso pode ser um dos motivos que levam a esses sintomas,mas também pode ser que hajam outras questões relacionadas a vida pessoal. Por esse motivo Rodrigo, é importante você entender o que tem gerado todos os sintomas que descreveu. Em que momentos eles ocorrem? Será que é devido ao concurso, ou será que existem outras coisas na sua vida que podem estar causando isso?

      Abraço!

      Psicóloga Michelli Duje

      Reply
  2. Rodrigo Correia Biondon

    Muito obrigado pela tua atençao.
    tudo bem mas vc acha que devo ir a consulta medica,(psicóloga),ou devo tentar me controlar quando perceber meus pés mechendo sem a minha vontade devo respirar fundo a abaixar a minha ansiedade,ou que devo fazer…..

    Reply
    1. Psicologa

      Indico acompanhamento com psicólogo. O psicólogo poderá trabalhar técnicas para você aprender a controlar sua agitação (técnicas de relaxamento e de respiração), e também trabalhar questões que vão na origem do sintoma. Caso ele ache necessário, ele indicará avaliação com psiquiatra para auxiliar nos sintomas (mas lembre-se, se a causa é emocional, não adianta só tomar medicamento, é necessário acompanhamento psicológico)

      Abraço!
      Psicóloga Michelli Duje

      Reply
  3. Rodrigo Correia Biondon

    momentos em que ocorrem: quando estou só,no pc,até mesmo no banho,sala de aula minha atencão foge do nada.
    si e devido ao concurso nao tenho certeza creio que seja,agora se tem outras coisas nao sei.
    A unica coisa que sei sou determinado tudo que começo vou ate o final,tem pessoas que começa um monte de coisas e nao acaba.
    Quanto ao concurso eu nao fico igual uma metralhadora atirando pra todos os lados,estou focado no da POLíCIA CIVIL.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *