“não sinto vontade de fazer as coisas” / Formas de vencer o desânimo e ter disposição para a vida

Man wearing eyeglassesAlgumas pessoas se sentem “perdidas”, sem vontade de “fazer suas coisas” ou “fazer algo na vida”. Acreditam que suas vidas não têm sentido, que são incapazes ou que não são “boas o suficiente”.

É importante o investimento e a dedicação nas relações pessoais, na saúde física e emocional, ter momentos de lazer, criar projetos na carreira, …. A pessoa que espera a vontade “aparecer” para então criar projetos em sua vida, pode ficar desanimada, deixando a “vida passar”.

Às vezes a pessoa acredita que um dia sua vontade “aparecerá” como num passe de mágica, mas isso é pouco provável. É difícil sentir disposição para fazer as coisas sem antes descobrir quais são os seus interesses. Para isso é preciso “experimentar”, começando a provar aquilo que possa se tornar um interesse algum dia:

  • Selecionar “coisas” que possam se tornar um desejo ou interesse,
  • Planejar e traçar metas sobre esses possíveis interesses,
  • “Fazer a coisa acontecer” (ter ação),
  • Dar continuidade àquilo que se propôs.

A vontade e a motivação costumam vir junto com a sensação de bem estar, com a expectativa de se sentir “completo”, com o comprometimento e objetivo de viver a vida. Mas mesmo assim não é sempre que as pessoas sentem disposição para as coisas, não por isso elas abandonam os seus interesses ou abandonam a elas mesmas. Por exemplo:

  • Mesmo sentindo preguiça em alguns momentos, a pessoa pratica atividades físicas.
  • Nem sempre a pessoa quer levantar todos os dias de manhã da cama para trabalhar (mesmo gostando da profissão), mas ela “liga no automático” e simplesmente “vai”.

É “muito bom” ter perspectivas e sonhos, mas isso só é possível se a pessoa souber o que ela quer. O autoconhecimento e o esforço são necessários para se sentir estimulada. É fundamental criar objetivos e “correr” atrás deles para então sentir a Vontade.

Quando a pessoa não consegue fazer isso, é importante o acompanhamento com o psicólogo. O psicólogo auxilia a pessoa entender sobre si, sobre as suas necessidades, sobre os seus interesses, ajudando  superar os conflitos emocionais e traça objetivos para o seu bem estar.

32 thoughts on ““não sinto vontade de fazer as coisas” / Formas de vencer o desânimo e ter disposição para a vida

  1. Marcos Díaz

    Oi, tenho 18 anos e acho a vida meio inútil. As vezes fico 3 a 4 dias deitado, Esperando o dia passar, também não me alimento direito,me sinto pesado e fraco ( por não me alimenta) e isso só me estimula a fica na cama. Não sei o que fazer… :0

    Reply
    1. Psicologa

      Marcos,

      Tudo indica que você está com sintomas de depressão. Nesse caso é necessário passar por uma avaliação psiquiátrica e um acompanhamento com o psicólogo.

      Atenciosamente,

      Psicóloga Michelli Duje

      Reply
    1. Naiane F.

      Olá, tenho 16 anos, estou no último ano do ensino médio, em um bom relacionamento e cercada de pessoas queridas e bastante animadas porém sinto que não consigo acompanhar o ritmo delas. Todos bastante felizes e animados e eu só na vontade de deitar na minha cama e não sair mais sabe?
      Embora esse seja meu último ano na escola e tals (tão desejado) eu não me sinto feliz muito menos animada para isso, aliais para nada. Eu tento mudar a situação e tals mas bate um desanimo e a vontade de ficar na minha cama fala mais alto. Eu não sei mais o que fazer, as vezes da vontade de fazer alguma loucura…

      Reply
      1. Michelli Duje Post author

        Naiane,

        Desde de quando isso está acontecendo? Será que aconteceu algo que pode estar colaborando para esse desânimo estar acontecendo?
        Converse com alguém próximo, alguém que você confia, peça ajuda… Você pode ir em universidades de psicologia e fazer acompanhamento por valores bemmmm acessíveis… faça uma avaliação para entender melhor o que está acontecendo

        Abraço!
        Psicóloga Michelli Duje

        Reply
  2. josinei de souza

    Tenho 24 anos Eu mim sinto assim a muinto tempo não tenho vontade de vive nem sair pra lugar nenhum mim sinto inferior a todos as fezes mim sinto ater um pouco feliz mais as vezes mim sinto muinto triste muinto tou muinto magro tá difícil .

    Reply
    1. Michelli Duje Post author

      Boa tarde Josinei,

      Pelo que você diz, você tem se colocado muito para baixo, a autoestima não está boa não é mesmo?!
      É interessante iniciar um tratamento psicológico para entender o que tem desencadeado esses pensamentos negativos sobre você. (caso tenha dificuldade financeira, você pode ir a faculdades que oferecem curso de psicologia. O custo do atendimento psicológico costuma ser bem acessível, conforme a renda da pessoa… varia entre 5 a 10 reais)
      leia esses textos, acredito que possa te ajudar:
      http://michelliduje.com.br/2017/01/17/voce-e-o-seu-amigo-ou-o-seu-inimigo-aprenda-a-se-valorizar/

      http://michelliduje.com.br/2015/08/16/me-sinto-inferior-perto-de-algumas-pessoas-formas-de-se-superar/

      http://michelliduje.com.br/2016/08/27/como-superar-barreiras-da-vida-e-encontrar-a-cura-emocional-dicas-para-a-vida/

      http://michelliduje.com.br/2014/04/28/2026/

      Abraço!
      Psicóloga Michelli Duje

      Reply
  3. Vector

    Estou com depressão porque FUI, SOU SEMPRE trocado pelo bonitão, gostosão, galã de novela, carinhoso, charmoso, romântico, “inteligente”, “educado”, engraçado, simpático, sarado com músculos, tatuagens, carro, motocicleta, jet-ski, “gentil”, “cavalheiro” e com muito dinheiro . . . E assim, só me aparece rodada, usada, descartada e encalhada com vários filhos dos outros pra outros cuidarem . . . E assim, contudo, todavia, par, per, por perante . . . EU QUEM VOU PAGAR pelos ERROS DELAS ? ! ? ! ? . . .

    Reply
    1. Julio Mariano

      Você não quer ser avaliado mas as avalia.
      Pense em você, foque você. Na verdade aparência é o que menos importa. Seu maior defeito é a aparência ou o fato de rotular as mulheres pelo passado, filhos, etc.?
      Pense em você, foque em você, construa seus valores, suas qualidades, assim naturalmente irá atrair uma pessoa que também tem qualidades.

      Reply
  4. Samia karla

    Monto minhas metas, faço tudo com determinação. Mas com menos de uma semana vem algo que me tira o chão e volto pro mesmo buraco. Moro com meus pais mas me sinto na casa de estranhos sinto que estou sempre incomodando e olha que tenho so 16 anos. Sinto uma carencia uma solidao mt grande, pois nao tenho a amizade de ninguém. Ninguém sabe o que passo nos momemtos em q deito, aquela vontade de ficar ali pra sempre. Todos os dias tenho pensamentos suicidas, e como seria melhor p mim e todos a minha volta se eu n existisse. Moro numa cidade mt pequena, onde n confio em ninguém, e nem encontro psicologos.

    Reply
  5. Joao firmo

    Ando bastante desanimado, mas acredito que a causa principal do meu caso é “idade demais”. Estou com 74 anos e tenho receio de pegar uma dessas doenças que so atacam idosos ou um AVC. Sinto-me ja com “pé na cova” e isso me dar esse desânimo.

    Reply
  6. Helena

    A vida e uma constante luta e as vezes e mais facil desistir.Mas temos que lutar ja que estamos em um combate vamos lutar mesmo que não vençamos mas desistir jamais .Tenho passado por depressão a nem sei quantos anos,e as vezes quando estou descansando tranquilamente do nada sou assaaltada por um sentimento tenebroso que leva a crer que não a saida.Dai me levanto vou para academia ou fazer alguma coisa em casa mesmo que nunca fiz somente para me distrair e só assim consigo pular mais um abismo.

    Reply
  7. Luciene

    Tento sair dessa zona de desânimo mas nao consigo…parece que tudo que sonho e desejo nunca se realizará. .me sinto uma fraude pois sempre tento motivar os outros mas, eu mesmo não consigo realizar nada.Estou tomando antidepressivo o que só evita o estado de choro e desespero mas o desânimo e a falta de sentido pra vida me acompanham.

    Reply
  8. Dayane

    Olá, tenho 22 anos, sou formada em administração, mas simplesmente não consigo estabelecer objetivos pra minha vida, não tenho vontade de me casar ou de ter filhos, de ter sucesso profissional, uma casa ou qualquer outro bem material, tenho uma vida social ativa, saio com frequência com amigos e com o namorado, porém não tenho motivação para estudar ou crescer profissionalmente, nem adquirir bens ou construir uma família, não sei oq quero ser dá vida, é isso me deixa triste, pois parece q estou perdida ou desconectada do mundo, quero me encontrar mas não sei como.

    Reply
  9. Jade

    Tentam nos incentivar a fazer e sentir diversas coisas sempre muito boas ,mas ninguém sabe qual é o verdadeiro remédio para o desanimo de acordar ,se levantar ,comer ,correr,trabalhar ,tomar banho, sorrir ,dar gargalhadas ,furar um poço, fazeres domésticos,ou qualquer outro trabalho que põe em nossa mesa o pão de cada dia; se vc mal consegue sair dá cama ,toma banho sentada no piso do seu banheiro ,faz seu café com aquela sensação de pressão ultra baixa,pensa e sente vontade de fazer mil coisas ,mas o desanimo é tão maior que seu desejo,ou junto com o desanimo vem também fraqueza muscular e fadiga ,como pode alguém vencer algo maior do que suas forças, a depressão nós tira a dignidade ,a vida ,todo dia morremos um pouco ,coisas positivas as vezes como um flash acontecem e nesse momento damos volta ao mundo,mas em questão de segundos ,como passe de mágica isso nos é arrancado,trato depressão a anos e nunca experimentei um droga me ajudasse mais do que estou; então faço uma pergunta sabendo que não é só eu quem está sofrendo com essa doença devastadora ! Porque existem tão poucos remédios para tratar esse mau ?
    Estamos morrendo de tristeza ! Pessoas milionárias, por favor , investem muito, mais muito mais nas pesquisas em remédios para tratar as depressões.
    Desde já agradeço.

    Reply
  10. Maria da Graça Sousa

    Ainda trabalho, mas ao fim de semana só me sinto bem na cama e o quarto escuro. Tento arranjar coisas que me animem, mas raramente consigo,Não me apetece fazer nada. Porém, há certos dias que funciono tipo furacao e trabalho e nem sinto o cansaço. Nos próximos dias é que me sinto cansada. Também penso muito na idade, e que nada vale a pena. Isto é pregiuça? ou é doença. não sei como sair desta tristeza.

    Reply
  11. Thalita

    Aff gente eu sinto desanimo mas é porq tenho 16 anos e quero muito trabalhar depender dos outros é complicado eu não gosto de depender de ninguem!!!!!!!!!!!!! Q desanimo quero TRABALHAR !!!

    Reply
  12. DAIANE

    OI…Na verdade hoje ja nao sei mais que estagio me encontro… oque eu sei é que tudo ja virou insuportavel, tudo que era prazeroso hoje nao passa de um pessadelo, sou atleta profissional e em minha carreira sempre fui alguem de sucesso, mas hoje me vejo no fundo do poço, sabe nunca fui de conversar com as pessoas, gostava de ficar na minha,hoje nao sinto vontade de absolutamente nadaaa, a nao ser chorar, sabe oque é pior…hoje vc nescessitar conversar, desabafar e vc nao ter com quem conversar, meus amigos me afastei por completo de todos, e quando encontra alguem 1,2h é pouco pra tudo que vc tem a dizer…meus pais acho que de tao cansados e nao saber lidar com a situacao ja nao sabem ter um dialogo… se comeco uma conversa em poucos seg recebo alguns gritos e um atestado de culpada na testa!
    O melhor lugar para mim onde fujo de tudo é meu quarto! Tudo me incomoda, se algum barulho persistente, se criancas gritando, nao sei mais que mundo eu vivo. Ja fui atleta da selecao brasileira de futebol feminino, ainda sou mas nao tenho aquela vontade nao tenho mais sonhos e planos parece que estou MORTA! Talvez quem nao passe por isso escute todos estes depoimentos e diga que somos idiotas, mas eu nao sei e queria entender qual momento me levou a chegar nesse ponto sem saber ao certo que ponto estou… nao sei se tudo que ja pessei pela carrareira, as barreira, os calfinamentos de 40 dias que passavamos so treinando…sem comunicacao com o mundoo…nao seiii….mas sei…que estou prestes ao ponto final… ninguem esta feliz e contente comigo vejo meus pais sofrer e sinto que ja sou um fardo, olho para o rosto e maos de minha mae e vejo ela envelhecer e cada dia que passa mais rapido… me sinto culpada e muitas vezes os culpo pela falta de paciencia, ambos ja nao sabemos mais oque fazer… minha familia esta desmoronando e minha vida ja esta no fundo do poço, so oque tenho de bom sao as lembrancas do meu passado de conquistas, sulamericanos, brasileiros, mundiais, trofeis, medalhas mas paro pra pensar e se isso contribuil para oque me tornei hoje?. Tudo é uma incognita, se vou levantar da cama é uma incognita hoje, ja fui em psicologos me ajudou um pouco mas manter um tratamento nao é facil nem barato!
    Queria entender que ponto me trouxe aqui ou se forao um acumulo de bagagens e coisas ou o excesso de silencio!? Nao sei…só quem escreveu todos esses depoimentos todos quase muito parecidos que sabem oque esta sentindo, talvez o estagio de uns ja estejam avançados demais e gerando conseguencias absurdas outros apenas no comeco mas so quem passa sabe oque realmente é…

    Reply
  13. Pseudônimo

    Eu tenho 34 anos e sou casado. Ainda não tenho filhos, nem profissão definida. Nunca consigo ânimo para nada, não consigo ser bom em nada. Todas as vezes que arrumava emprego não durava muito porque não conseguia aprender direito por causa do medo e insegurança e acabava fazendo coisas erradas que resultavam em demissão. Atualmente estou desempregado, desanimado, sem vontade de fazer nada ou falar com as pessoas. Durmo até tarde e passo a maior parte do tempo vendo TV e insatisfeito com a vida.

    Reply
  14. Bianca

    Estou com transtorno do pânico,faz 20 dias q estou afastada do trabalho e da escola. E, a cada dia,parece que pioro.Não Tenho vontade de fazer nada… durmo,fico sentada no sofá. .. Não sei o que fazer,por onde começar. .. já que tenho muitas coisas pra fazer. Minha vida é Boa. Não tenho pq estar assim… queria ajuda

    Reply
  15. Tainá

    Oi eu vivo assim tento me motivar e consigo mas sempre tem algo que me impede de correr atrás dos meus objetivos me sinto uma fracassada tenho 2 filhos um de 3 anos e outro de 1ano não tenho niguem pra me ajudar com eles meu marido trabalha fora viajando só chega no final de semana moro longe da minha família não tenho amigos nem niguem de confiança para deixar meu bb pra que eu possa terminar meus estudos e buscar uma carreira que tem sido muito o meu sonho mas as circunstâncias não me permite correr atrás dos meus objetivos não tenho dinheiro pra creche não consigo emprego já tentei muitas coisas e não acontece nada para me ajudar tento estudar em casa e meus filhos não deixam me sinto uma fracassada e que eu nunca serei niguem na minha vida e nunca poderei dar uma estabilidade aos meus filhos isso me deixa muito frustrada e às vezes penso que é melhor se eu deixasse de existir me sinto muito sozinha e sem niguem não posso conversar com as pessoas pois ao adiantaria niguem pode me ajudar eu queria muito um psicólogo mas está fora do meu alcance

    Reply
    1. Michelli Duje Post author

      Bom dia Tainá,
      Nas faculdades que tem o curso de psicologia, você pode conseguir tratamento psicológico por valores bem acessíveis.

      Abraço!

      Reply
  16. Cláudia Fernandes

    A fé em Deus, que somos espíritos eternos, que estamos aqui para evoluir, basta pedir ajuda que será ajudado pelo plano espiritual. Além da ajuda psicológica e os medicamentos, e muito importante se conectar com o você mesmo, a depressão é doença da alma, querer desistir de mesmo…mas acima de tudo se ame, se valorize, faça contato com a natureza, procure se instruir com leituras espirituais, física quântica, pois vão conseguir se melhorar. Um abraço fraterno à todos!

    Reply
  17. Cláudia Fernandes

    A fé em Deus, que somos espíritos eternos, que estamos aqui para evoluir, basta pedir ajuda que será ajudado pelo plano espiritual. Além da ajuda psicológica e os medicamentos, e muito importante conectar -se com você mesmo, a depressão é doença da alma, querer desistir de si mesmo…mas acima de tudo se ame, se valorize, faça contato com a natureza, procure se instruir com leituras espirituais e edificantes, física quântica, pois vão conseguir se melhorar. Um abraço fraterno à todos!

    Reply
  18. Samara

    Estou me sentindo assim,triste,pra baixo,sem animo.Com vontade de chorar.O duro é que nessas horas não há ninguém que possa ajudar a gente.Ontem fui desabafar com meu marido,e não deu em nada,parece que ele entrou no mesmo estado que eu.Estou sem animo pra fazer exercicios,me sinto pessima mãe,e sinto um cansaço constante,que se deixasse eu dormiria 3 dias seguidos.Olho em volta e penso que essa vida de dona de casa é muito chata.Só serviço,cozinhar,lavar,passar,cuidar da casa e das crianças…me sinto desvalorizada pelo meu marido tambem.Faço dieta e exercicios pra ficar bonita pra ele,mas ele nem da bola,não elogia,não fala nada.Enfim,espero que seja só uma fase,que passe logo…

    Reply
  19. Jessica

    A vida não é fácil pra todo mundo, mas não podemos desistir. Estou desmotivada também,sem emprego, sem diploma,sem carreira,aos 24 anos, é uma pressão muito grande pra que voce seja alguém em meio a tantos impedimentos. Vc tem que nadar contra a maré e ainda dar conta de todas as opiniões da sociedade e dos achismos sobre sua vida. É complicado, pior de tudo é estar desempregada, não conseguir fazer o que quer e o que possívelmente te traria sensação de realização profisional/pessoal.
    Mas espero que Deus nos ajude, Ele é a minha força nos dias em que acordo e me sinto uma completa inútil e fracassada, quando o ânimo me falta,Ele é o ânimo, quando a alegria acaba, Ele é minha alegria. Que a gente tenha fé mesmo sendo dificil ás vezes, mas acredite não é impossivel. Existe uma força dentro de nós que nem imaginamos que temos, e só pelo fato de não termos desistido tirando nossa própria vida já somos vencedores!

    Reply
  20. alex

    Ultimamente as coisas perderam o sentido pra mim, não vejo graça em nada. Seria tão bom sumir de vez queria não ter nascido.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *